Volte ao passado em grande estilo

A+ A-

                      

Olha, se hoje você escuta suas músicas por streaming no smartphone, saiba que nem sempre foi assim, viu? É que, antes de tudo ser online, as pessoas precisavam de mídias como os CDs, as fitas K7 e os discos enormes de vinil. Lembra deles?


Depois de um bom tempo esquecido no fundo do armário, os discos de vinil voltaram a fazer sucesso graças aos novos e modernos aparelhos toca-discos, sabia? Isso mesmo! Com um visual retrô ou bem moderninho, esses equipamentos de som permitem uma volta ao passado em grande estilo. Agora, vem comigo que eu te conto tudinho sobre eles!


O toca-discos agora tem várias funções

A primeira coisa que eu preciso te contar é que os toca-discos atuais têm várias funções interessantes! E eles são aparelhos bem completinhos! Muitos modelos vêm com entrada USB, pra você colocar aquele pen-drive cheio de músicas e relaxar enquanto bate-papo com os amigos ou organiza a casa.


Outra vantagem que alguns modelos de toca-discos modernos têm é a conexão Bluetooth. Dá pra conectar seu smartphone, tablet ou notebook com o toca-discos pra usar ele como caixa de som. Demais, né? E se ele tiver entrada auxiliar, você ainda pode ligar ele no seu Home Theater, DVD ou Blu-ray Player.


 

Esse toca-discos roda vinil, CD, MP3 e vem com porta USB e entrada pra cartão de memória SD


Tem até toca-discos portátil

Antigamente, o aparelho de som tinha um lugar específico em casa. Ele geralmente ficava na sala, porque era grande e pesado. Só que os toca-discos de hoje são mais compactos e, dependendo do modelo, pode até ser portátil. E por causa do visual retrô que eles têm, alguns vêm com formato de mala. São uma gracinha!


Depois de ouvir suas músicas, basta encaixar direitinho as peças dentro da maleta e fechar. Se precisar levar pro escritório, pro churrasco ou encontro na casa de algum amigo, é só carregar pela alça. E esse modelos ainda vêm com as caixas de som acopladas, pra facilitar a instalação e o uso. Demais, né?


 

Olha como é prático! Dá pra guardar o toca-discos como se fosse uma maleta


O prazer de ouvir música no vinil

Os amantes do vinil dizem que o som produzido por ele é bem melhor de ouvir,  isso sem falar nas capas dos discos que são lindas e muito criativas, né? Algumas viraram até peça de museu! E sabe o que é melhor? Você não precisa ficar mais procurando os discos apenas em loja de produtos usados.


As gravadoras voltaram a fabricar os discos de grandes artistas, assim como as fabricantes tão lançando novos modelos de toca-discos. E se você é do tipo mais tradicional, a dica é escolher um modelo que lembra aquela vitrola antiga, sabe? Algumas tem até um gramophone pra dar aquele toquinho de saudade.


E a vitrola?

Muita gente chama o toca-discos de vitrola. Esse é um costume que foi passado entre gerações, mas a palavra vitrola vem da marca Victrola, da RCA. Com o passar dos anos, a marca do aparelho que tinha caixas de som e controles num único bloco virou sinônimo de tocador de discos de vinil.


Quando as caixas de som vêm separadas, o aparelho é chamado simplesmente de toca-discos. Se tiver tudo juntinho, como nas fotos que você viu aqui, também pode chamar de vitrola que tá tudo bem, viu?
 

Esse toca-discos pode ser conectado nas suas caixas de som e tem design moderno


É com esse toque de saudosismo que eu te convido a ver aqui a diferença entre a vitrola e a caixa de som.


Aproveite pra voltar ao passado em grande estilo e compre seu toca-discos ou vitrola aqui no Magazine Luiza. É só escolher o seu preferido!