Qual é o seu biótipo?

A+ A-

                   

Você sabe qual é o seu biótipo físico? Existem 3 tipos diferentes! O endomorfo, ectomorfo e mesomorfo. Complicado, né?! Vem comigo que vou te ajudar a achar qual grupo você pertence! ;) Ah, e assim vai ficar mais fácil de definir um treino certinho.

Endomorfo
São as pessoas mais pré-dispostas ao acúmulo de gorduras. Seu corpo é menos definido e tem mais dificuldade em mantê-lo em forma com os exercícios físicos. A estrutura óssea é forte e larga, ideal para o ganho de massa muscular. Ombros largos, quadris e coxas avantajadas, rosto arredondado, braços e pernas mais curtas e cintura alta.
 
A melhor forma de atividade física é aquela que aumenta o metabolismo, como séries compostas, treinos em circuito e outras técnicas de fitness. Treinos cardiovasculares precisam ser feitos com regularidade, para diminuir a tendência ao excesso de gorduras.

As refeições devem ser feitas frequentemente, em pouca quantidade, viu?!
 
Ectomorfo
Esse aqui é o oposto do Endomorfo, tá?! É longilíneo, não tem facilidade pra ganhar peso e precisam de um trabalho especifico muscular, para melhorar a postura. Possuem braços e pernas grandes, ombros caídos, cintura e quadris estreitos. Este tipo é mais valorizado entre as mulheres e se bem trabalhado, podem ter resultados ótimos.

Os exercícios podem ter cargas mais pesadas nos treinos com pesos, para estimular o desenvolvimento dos músculos. Seu metabolismo é mais rápido e queima gorduras com mais intensidade, por isso, os exercícios cardiovasculares não são prioridades.

Mesmo tendo menos dificuldades para engordar, a alimentação é responsável pela maior parte do desenvolvimento do corpo. Por isso, o Ectomorfo precisa de alimentos saudáveis, nutritivos e completos, para evitar anemias e outras doenças causadas pela falta de vitamina.

Mesomorfo
Aqui tem que ter um equilíbrio entre o ganho de peso e de musculatura, com proporção corporal boa e baixo índice de gordura. Seu visual é mais atlético, com boa postura e simétricos, musculatura delineada, ombros largos, cintura baixa e estreita.

Mesmo com a aparente forma ideal, sem os exercícios corretos, toda essa perfeição se perde. O mesomorfo suporta cargas pesadas e explosivas. Devem misturar entre atividades mais fortes com as cardiovasculares de duas a três vezes por semana, de forma moderada.

A alimentação pode ser à base de proteína e com menos carboidratos e gorduras. Uma dieta nutritiva e com alto valor vitamínico, o nível de energia estará sempre em alta, porém fácil de desgastar, evitando o efeito sanfona.

E pra terminar, antes de tudo isso é sempre importante consultar um médico, tá?! Ele vai te ajudar em qual tipo de alimentação fazer e que exercícios você pode praticar. ;)