Fable: the Journey

A+ A-

Um RPG para ser jogado com o Kinect - essa é a principal característica por trás do Fable: The Journey. Com certeza, uma possibilidade que acrescenta ainda mais destaque ao game tanto pela qualidade gráfica quanto pela jogabilidade que garante ao player a sensação de fazer parte do mundo desenvolvido para a história.

A saga criada para o mundo Fable, que já conta com quatro títulos anteriores, sempre apresentou um nível de dificuldade um pouco maior para os jogadores habituados com a proposta clássica do RPG. No entanto, o The Journey aposta na interação diferenciada tanto com o cenário quanto com a evolução do personagem principal - Gabriel ? que adquire novos poderes à medida que sua luta contra o mal se intensifica.

E claro, o fato de ganhar poderes e aprender a lidar com cada um deles é algo empolgante para os jogadores que estão em busca de possibilidades mais interativas no momento de jogar um game de aventura. Atividades que realmente garantem a sensação de fazer parte da história em conjunto com uso dos comandos do Kinect de maneira mais complexa para colocar nas mãos do personagem essa gama de poderes. Bom investimento para usuários que estão em busca de uma nova forma de se relacionar com o console e com o jogo.

E justamente nessa interação está o destaque de Fable: The Journey. A imersão na história torna-se tão interessante que em determinados momentos é possível esquecer que se está usando o Kinect para reger os movimentos e criar as magias que aparecem na tela. Experiência que dá ao player ainda mais nuance para, enfim, sentir-se parte da história.

Com certeza uma aposta interessante para jogadores que buscam expandir suas possibilidades no momento de participar e interagir com um mundo criado na medida certa para garantir aventura.