Como escolher o aro da roda da sua moto?

A+ A-

Gente, quem tem uma moto provavelmente já teve vontade de trocar a roda por um modelo mais bonito, né? Mas sabia que antes de fazer essa mudança, é preciso entender direitinho quais modelos de aro são compatíveis com a motocicleta? Pois é! Mas não precisa se preocupar, viu? Vem comigo dar uma conferida no guia rápido que eu preparei pra te ajudar! Olha só:

Saiba o tamanho máximo da roda

A primeira coisa que você precisa saber é a diferença entre aro e roda, tá? O aro é aquele círculo que fica em contato direto com o pneu. Já a roda é a soma da altura do aro e o pneu em si.


Toda moto tem um tamanho máximo de roda que pode usar. Se você escolher um aro maior do que o recomendado, vai precisar usar um pneu mais fininho pra roda se manter na altura ideal, por exemplo. O mesmo vale pro aro curto, que aceita um pneu maior.


Essa informação é muito importante e aparece no manual da motocicleta! Se não encontrar, dá uma ligadinha pra fabricante que eles sabem direitinho essa informação, combinado?


Olha, é muito importante saber que se você usar uma roda maior do que o ideal na sua moto, ela pode te atrapalhar na hora de dirigir, viu? Então, tem que ficar bem atento a isso!


Lembre que as rodas podem ser diferentes

A roda dianteira da sua moto pode ser diferente da traseira, tá? Não tem problema! Em algumas motos, a roda traseira tem um aro menor e um pneu mais alto e largo, aguentando melhor o peso da carga e dando o impulso necessário pra acelerar a motocicleta. No caso dessas motos, o pneu dianteiro geralmente tem um aro maior.


Conheça o material do aro

A roda pode ser de liga leve ou feita de aros e a escolha muda o jeito e a segurança na hora de pilotar sua motocicleta. Por isso, você deve conhecer os dois principais tipos de materiais que ficam na área dentro do aro. Dá uma olhadinha:


Nas rodas de liga leve os raios são construídos como uma parte só, como um bloco único, sabe? Daí, o material desse tipo de roda geralmente é o alumínio. Mas também tem de fibra de carbono e até mesmo de liga de magnésio. E esse tipo de raio dá uma maior sustentação ao aro, além de uma visual bem mais bonito pra roda.


Já as rodas raiadas são mais tradicionais. O centro delas é ligado às extremidades por raios que se entrelaçam e garantem a sustentação de cada roda. E eles precisam ficar apertados da maneira certa, viu? Então, a dica é bater neles com a mão e ouvir o som. Se ele for curto e com um pouco de eco, tá tudo certo!


Agora, se escutar qualquer som diferente, o ideal é ir a um mecânico de confiança pra ele avaliar, tá? Tem algumas pessoas que preferem fazer um teste sozinhas e tentam apertar os raios, mas você pode entortar a roda ao fazer isso sem o conhecimento técnico necessário.


Agora, se você quiser aprender mais sobre as rodas pra moto, é só dar uma olhadinha nessa matéria aqui


Tá precisando trocar o aro da roda da sua moto? Aqui no Magazine Luiza você encontra várias opções! É só escolher!