Coleira ideal pro seu cachorro

A+ A-

Gente, sabia que todas as vezes que for sair na rua com seu cachorro, é ideal que ele use uma coleira, uma guia ou peitoral? Mas nem todos os tipos são indicados pra todos os cachorros. E será que você sabe escolher o modelo certo pra ele? Pra te ajudar, olha só minhas dicas:


Pra começar, é bom lembrar que a coleira e a guia não são uma coisa só. Na verdade, são peças complementares, que dá pra comprar juntas ou separadas.


- A guia é aquela cordinha ou corrente que você prende na coleira de pescoço ou no peitoral do cachorro e segura pela mão. Elas são resistentes e podem ser usadas em todos os cachorros, viu?

- Já a coleira fica ao redor do pescoço.

- E a coleira peitoral serve pra colocar na região do peito e patas da frente do cachorro.


Agora que você já sabe qual é qual, vou te falar quando usar a coleira de pescoço ou a peitoral, tá?


Coleiras de pescoço

Então, a coleira de pescoço é ideal pros cachorros maiores, mais pesados ou agitados. Com ela dá pra controlar de um jeito mais fácil, é só dar aqueles pequenos puxões na guia. Mas sem muita força, pra não machucar, tá?


Por isso, o ideal é não apertar a coleira, ela tem que ficar um pouquinho mais larga no pescoço. Ah, outra dica é usar na coleira de pescoço uma guia que vem com uma molinha, ela alivia o esforço que seu cachorro faz enquanto anda. Legal, né?


Coleira peitoral

Esse tipo de coleira fica presa no tronco do cachorro, que é a região do peito e das patas da frente. Ela é bem confortável e é ideal pros cachorros menores, de porte médio ou menos agitados. A coleira peitoral também é regulável, viu? Assim, dá pra ajustar certinho.


Ah, e tem o peitoral de tração, que é indicado apenas pros cachorros com muita força muscular, mesmo que não sejam tão grandes, comos os pitbull. Esse tipo ajuda a controlar o cão, mas sem machucar eles.


Coleira com guia retrátil

A coleira com guia retrátil é aquela que você pode aumentar ou diminuir o tamanho da guia presa na coleira de pescoço, conforme o cãozinho se mexe e anda. Ela vem com um mecanismo que dá pra fazer isso com segurança. Assim, você regula o quanto que seu cachorro pode se afastar de você.


É só prender a ponta da guia na coleira peitoral e escolher o quanto de corda fica livre pra ele se movimentar. E pra garantir que seu cachorro não vá muito longe, ela vem com travas de segurança, que ajudam a segurar a guia, mesmo que ele  tente ir além. Bom, né?


Mas a guia retrátil só deve ser usada em cachorros menores e com pouca força, tá?  Senão, você não vai conseguir controlá-los e a guia pode se enroscar toda!


E se quiser ler um pouco mais sobre esse assunto, eu falo sobre guias e coleiras aqui.


Agora que você já sabe pra qual cachorro é indicada a guia, coleira e peitoral, que tal comprar o acessório do seu pet aqui no Magazine Luiza?