Chapinha: como escolher a sua?

A+ A-

Gente, a chapinha é uma ótima opção pra quem quer ter fios lisos sem precisar usar produtos químicos, viu? E ela pode ser usada em qualquer tipo de cabelo! E o bom é que ela é super prática e fácil de usar e levar pra qualquer lugar! Agora, se você quiser dicas incríveis pra escolher o modelo ideal é só vir comigo!


Dicas pra escolher sua chapinha

Olha, tem vários detalhes que podem fazer com que um determinado modelo de chapinha seja ideal pra você. A largura dela, por exemplo, pode fazer toda a diferença dependendo do uso que você vai dar pro aparelho. Olha só algumas dicas pra te ajudar na hora de escolher a sua:


Largura

- As chapinhas mais largas são ideais pra quem tem cabelos volumosos e longos porque conseguem pegar mais fios e alisar mais rápido. Já as mais fininhas são indicadas pros cabelos curtos, com pouco volume e também pra franjas!

- Sabia que os modelos mais estreitos podem ser usados pra fazer ondas e cachos? Pois é! Basta pegar o finalzinho da mecha, prender entre as abas da chapinha e enrolar o cabelo pelo lado de fora. Legal, né?

- Aliás, já tem até modelo de chapinha com laterais desenhadas especialmente pra quem quer fazer cachos com ela. Tem também chapas específicas pra frisar e não alisar os cabelos. Elas são bem mais fininhas, tá?


Tecnologia das chapinhas


As chapinhas mais modernas podem reunir várias tecnologias num só produto


As chapinhas evoluíram e hoje trazem uma série de tecnologias que evitam que o cabelos sofra danos com o calor, tá? Além disso, elas pode oferecer alguns benefícios, como brilho e anti-frizz.


Chapinha com Titanium: esse tipo emite íons negativos que cauterizam os fios, ou seja, eliminam a eletricidade, fecham a cutícula e mantém a massa, umidade e saúde dos fios. O resultado é uma cabelo brilhante e bem tratado!


Chapinha com Safira: tem uma superfície mais lisa e, na hora de alisar o cabelo, tem um deslize melhor e mais suave. Funciona melhor em fios que não são tão cacheados, viu?


Chapinha Infravermelha: ativa as moléculas de água paradas nos fios e elimina as impurezas que costumam deixar o cabelo pesado e sem vida. Aí sim, hein?


Chapinha com Cerâmica: diminui o atrito com o cabelo e desliza com mais suavidade. A resistência de cerâmica também é extremamente importante pra manter a temperatura da chapinha por mais tempo e economizar energia.


Chapinha com Turmalina: a turmalina emite íons negativos que agem de forma parecida com a chapinha de titânio. Assim, o calor age nos fios de dentro pra fora, trazendo um resultado rápido. Ah, esse modelo também ajuda a controlar o frizz do cabelo!


Chapinha com Íons negativos: esse é um tipo de tecnologia que você encontra praticamente em todas as chapinhas, não importa o modelo. Os íons negativos  conseguem  eliminar aqueles indesejáveis fios arrepiados, o famoso e tão temido frizz. Muito bom, né?


Dicas extras


Quer mais algumas dicas sobre as chapinhas? Então, anote aí!


- Sempre prefira as chapinhas modelo bivolt, ainda mais se você gosta de levar ela sempre com você. Afinal, nunca se sabe onde vai ter tomada com voltagem 110V ou 220V e a bivolt funciona nas duas!

- Se o seu cabelo for muito cacheado, você pode fazer uma leve escova antes, usando o secador. Assim fica mais fácil a chapinha atingir um bom resultado.

- Passe um creme protetor, de preferência termoativado, antes de usar a chapinha, combinado? 

- Finalize o alisamento da chapinha com reparador de pontas, pois ele dá um aspecto mais natural aos fios, além de proteger e manter o cabelo liso por mais tempo. Muito bom, né?


Quer conhecer todas as funcionalidades da chapinha? Eu te falo mais sobre ela aqui!


Prontinho, agora é só escolher a sua chapinha aqui no Magazine Luiza!